Internação compulsória

Clínica de internação compulsória

A internação compulsória é a prática de se utilizar de meios legais para internar um paciente dependente químico em uma clínica de reabilitação.

O Brasil conta com a lei 10.216/2001 que trata sobre a internação compulsória, a fim de auxiliar tanto as famílias e pessoas próximas ao dependente, quanto o próprio paciente que, após diversas tentativas anteriores, não compreende a necessidade de realizar o tratamento para dependência de drogas.

A lei da internação compulsória vem sendo, inclusive, amplamente discutida e divide opiniões.

Internação Compulsória

Internação compulsória Carpe Vita

De acordo com a referida lei, o requerimento para internação compulsória pode ser feito pela família ou responsável legal pelo dependente químico e deve ser avaliado por um médico e autorizado pela autoridade competente.

A lei de internação compulsória esclarece também que a internação compulsória precisa ser tratada como uma etapa transitória à reabilitação do paciente, para que haja a reintegração social e econômica do dependente.

A preocupação das autoridades quanto à internação compulsória vai muito além da necessidade da internação em si.

É sabido que os “incapazes”, ou seja, aqueles dependentes cujo estágio de dependência não permite que o paciente tenha discernimento suficiente para decidir sobre sua própria vida, na grande maioria das vezes não aceitariam um tratamento convencional, ou seja, a internação voluntária. Daí é onde se inicia a necessidade real da internação compulsória.

O Brasil é um dos países com maior índice de uso de drogas no mundo. Por esta razão, não há de ser surpresa que o número de internação compulsória seja igualmente representativo.

Como é feito o pedido de internação compulsória?

O pedido para internação compulsória precisa ser feito pela família ou responsável legal do dependente, por intermédio de um médico que ateste e forneça laudo a respeito da necessidade real de internação compulsória, visto que já não possui mais domínio sobre sua condição física e psicológica.

Internação compulsória é uma regra?

Não, inclusive é preferível que seja sempre uma exceção. O melhor caminho é sempre a internação voluntária, sendo a internação compulsória indispensável apenas naqueles momentos em que não existe outros meios disponíveis.

A polícia ou outros órgãos públicos participam da internação compulsória?

Não. A única intervenção é do judiciário, no ato da concessão de autorização para a internação compulsória. Verifique se a clínica de reabilitação escolhida possui também o serviço de remoção para internação compulsória.

Qual o procedimento caso haja resistência na internação compulsória?

Neste caso a clínica que realizará a internação compulsória precisa possuir médicos e enfermeiros capazes de lidar com essas situações. A internação compulsória não é agradável ao dependente químico e a clínica precisa estar preparada para reações adversas.

A comunidade médica é favorável à internação compulsória?

Sim, inclusive o Dr. Arthur Guerra, psiquiatra, professor universitário e Coordenador do Grupo Multidisciplinar de Estudos sobre Álcool e Drogas defende que a internação compulsória é um procedimento usado há anos, que obedece critérios bastante rigorosos.

Como encontrar uma clínica de internação compulsória de qualidade?

As clínicas que se predispõem a realizar a internação compulsória precisam tomar outras precauções além das convencionais, principalmente pelo fato de que o paciente não está ali por vontade própria.

Verifique se possuem uma equipe para remoção do paciente no ato da internação compulsória.

Cuidados com a segurança na clínica também são importantes que sejam observados.

A Clínica Carpe Vita é especializada em internação compulsória, possuindo vasta experiência e garantindo total segurança e eficiência na internação compulsória visando proteger a vida daqueles que amamos.

Nós podemos te ajudar

Possuímos um ambiente bem estruturado com uma equipe especializada e qualificada pronta para lhe atender.

×

Olá!

Entre em contato conosco agora através do What's App!

×